I am not

I am not
quotation

terça-feira, 9 de junho de 2009

Obra muito interessante, hoje "descoberta" pelo Gonçalo Velho...

O CONCEITO DO OBJETO NA PSICANÁLISE.

DO FENÓMENO À ESCRITA

por

Daniela Scheinkman Chatelard


Brasília, Editora Universidade de Brasília, 2005

ISBN 85-230-0820-9



SINOPSE

"O artigo em homenagem a Merleau-Ponty nos Outros escritos pode ser considerado o primeiro de uma série de textos lacanianos que gravitam em torno de um objeto pulsional privilegiado que é o olhar. Entre eles, o texto em homenagem a Marguerite Duras pelo seu romance O arrebatamento de Lol V. Stein, que permite a Lacan isolar o lugar determinante do olhar não como atividade do sujeito, do sujeito que vê, mas como objeto, como o que olha sem se ver, o que o fascina. A divisão estrutural do sujeito revelando-se no nível da pulsão escópia a determinar que ele não pode ver o lugar em que está enquanto olha, Lacan o ilustrou no quadro de Velásquez intitulado As meninas, no qual o pintor, deslocado da cena principal, se representa no momento privilegiado de seu ato criador. Essas apreciações marcam de alguma forma a passagem para o outro Lacan, outro daquele que se apresentava sob o signo inicial da palavra e da linguagem, o Lacan que se revela no fim de seus Escritos sob o nome de objeto a.

Nessa orientação da melhor tradição lacaniana, a autora percorre com precisão a trajetória do conceito de objeto no campo da filosofia, da fenomenologia e da lógica de Frege até sua perspectiva psicanalítica, a introduzida por Freud e repensada por Lacan. Valendo-se de exemplos inspirados na literatura e na pintura, a obra analisa a evolução do conceito de objeto do fenômeno à escrita, conduzindo-nos para esta fundamental questão teórica da psicanálise a incidir em toda a extensão da experiência clínica: a da incidência do objeto na ética da psicanálise, a ética do desejo e do que há de mais singular em cada sujeito. "



Fonte da imagem e texto:

http://www.travessa.com.br/O_CONCEITO_DO_OBJETO_NA_PSICANALISE_DO_FENOMENO_A_ESCRITA/artigo/0ad9891f-a9f3-40cc-bdd6-046979c7530e 

Sem comentários: