terça-feira, 21 de abril de 2009

Porto: atmosferas de Abril

Praia dos Ingleses











































































































Domingo de Páscoa no Porto





















esperando melhor tempo



















Lucindo: ainda mexe!

4 comentários:

Eli Anita disse...

O Porto: cidade da qual eu não gostava quando cá estudava, mas que com o decorrer do tempo conseguiu seduzir-me...se bem que era apenas uma questão de ter os olhos bem abertos, estar mais atenta.

O Domingo de Páscoa: este ano vi uma coisa engraçada, em Moledo do Minho: no chamado compasso, íam umas meninas vestidas à minhota!! Mesmo à porta da casa do arquitecto Alves Costa, que também estava a apreciar.

Os gatos: linda encruzilhada deles. Que foto fantástica! Força Lucindo!!

(anexo): comprei o "Bem-vindo ao deserto do real" do Slavoj Zizek. Tomei conhecimento deste pensador pouco tempo antes do Vitor começar a divulgá-lo. Li uma entrevista ou reportagem na Actual ou na Única do Expresso, e desde então que fiquei com alguma curiosidade. Como este foi o primeiro título que conheci dele e como a edição, da Relógio d'Água tem a capa com uma pintura do Pollock, olhe!, nem hesitei!

Beijinhos e viva o sol!!!

Vitor Oliveira Jorge disse...

Bem-vinda ao pensamento do Zizek, que não é nenhum dogma, mas abre pistas!
Bjs
Vitor

Vitor Oliveira Jorge disse...

Escute:
http://www.youtube.com/watch?v=voZQEslcY84&feature=channel_page

Vitor Oliveira Jorge disse...

No fundo o que se fotografa nestas minhas fotografias? Uma profunda, intrínseca solidão das coisas, dos seres, das pessoas. O Vazio de que falava Lacan.